• Menu
  • Menu

Ranking analisa índice de proficiência em inglês no Brasil

Não há dúvidas que o aprendizado da língua inglesa abre portas mundo afora. O idioma mais falado no planeta pode levar a novas oportunidades de carreira, permitir acesso a conhecimentos imensuráveis e oferecer experiências inesquecíveis. No Brasil, contudo, a maior parte da população ainda não aproveita todas essas vantagens. De acordo com o English Proficiency Index, o maior ranking em proficiência inglesa do mundo, o país apresenta fluência baixa e aparece na 40ª colocação, em uma lista de 72 países analisados.

Em comparação com outras 14 nações da América Latina e América do Sul, o Brasil aparece na quinta posição, atrás de países como Argentina, República Dominicana, Uruguai e Costa Rica. Se analisado o panorama interno brasileiro, contudo, resultados mais positivos começam a aparecer. O Distrito Federal e o estado do Rio Grande do Sul, por exemplo, aparecem no ranking com proficiência moderada, assim como as cidades de Brasília, São Paulo e Campinas.

O English Proficiency Index, realizado anualmente, considerou testes realizados em 2015 com 950 mil pessoas e mediu o domínio de gramática, vocabulário, leitura e compreensão de adultos que não têm inglês como língua nativa. De maneira geral, a pesquisa aponta que altos índices de proficiência estão relacionados a fatores como renda e qualidade de vida. No topo da lista aparecem a Holanda, Dinamarca e Suécia. O levantamento atual completo pode ser conferido aqui.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.