• Menu
  • Menu

11 curiosidades sobre Malta que poucas pessoas conhecem

Malta é uma região cercada de belezas naturais, belíssimas paisagens, clima acolhedor e oportunidades em ascensão. Muitas pessoas já ouviram falar das vantagens de se visitar ou morar no país, contudo, pouca gente conhece de verdade essa região no Mediterrâneo. Você sabia, por exemplo, que a ilha na verdade não é ilha? E que o país já foi cenário de filmes bem conhecidos? O site Momondo preparou uma lista com 11 curiosidades sobre Malta e se você está pensando em visitar a região vale a pena conferir.

 

  • Malta é na verdade um arquipélago, ou seja, um conjunto de ilhas. As maiores, Malta e Gozo, são as mais conhecidas e a terceira maior, Comino, conta com um luxuoso resort. Existem outras quatro ilhas menores, contudo, que são completamente inabitadas.
  • De acordo com geógrafos e especialistas, Malta provavelmente já fez parte da Itália e era conectada ao país por uma ponte de terra que hoje encontra-se nas profundezas do oceano.
  • O local é um dos mais isolados do Mediterrâneo, mas evidências apontam que civilizações vivem em Malta desde o período neolítico, há 5 mil anos antes de Cristo.
  • Depois de 150 anos como colônia britânica, Malta conquistou sua independência em 1964 e se tornou uma república em 1974, juntando-se à União Européia em 2004.
  • Como colônia britânica, Malta herdou e mantém até hoje a tradição de dirigir do lado esquerdo da rua.
  • Malta é a capital não oficial do artesanato da Europa. Não é difícil encontrar na região joias e artefatos preciosos e únicos, confeccionados pelos próprios locais.
  • O país tem sua própria tradição gastronômica e fazem parte dela a Pastizzi, uma massa assada com ricota e cogumelos, assim como Kinnie, uma bebida típica da região, feita com laranja e especiarias.
  • Devido à natureza inexplorada, a costa não muito badalada e seu relativo mistério, Malta já foi cenário para produções hollywoodianas como Gladiador, Tróia, Capitão Philips e a série Game of Thrones.
  • A arquitetura da região também não deixa a desejar com uma mistura de referências que remetem a cultura barroca e grega, além da influência britânica.
  • Apesar das paisagens de tirar o fôlego ao longo da costa, ilha adentro não é possível encontrar uma única floresta. Não há também montanhas ou rios no arquipélago.
  • A capital do país é um encantamento a parte. Valleta foi a primeira cidade planejada da Europa, em 1565. Foi construída em apenas 15 anos e não por isso é menos bela. Especialmente ao pôr do Sol, a capital é singularmente encantadora.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.