• Menu
  • Menu
Nada no mar em Malta

Aproveite para nadar no mar morno de Malta

Nadar no mar para quem está em Malta, com a chegada do verão, a alta temporada e o calor, é mais do que uma possibilidade: é uma obrigação. O começo de agosto é a época perfeita para quem gosta de se refrescar sem o sofrimento e o choque térmico de entrar na água gelada. Na verdade, as temperaturas ao redor da ilha seguem aumentando, e você não pode desperdiçar essa oportunidade.

A medição foi feita pelo Physical Oceanography Research Group, grupo de estudos oceanográficos da Universidade de Malta. Eles identificaram que o começo de agosto marca o auge da temperatura ao redor do arquipélago, com picos de até 30°C. Isso ocorre especialmente em praias e locais de pouca profundidade, como marinas, baías e piscinas naturais.

Apesar de proporcionar uma agradável experiência ao nadar no mar para muitos, as temperaturas registradas em Malta na verdade são mais um indicativo do aquecimento global. De acordo com os cientistas da Universidade de Malta, o aumento tem sido gradual desde os anos 70, em uma média de 0,05°C por ano. Neste 2017, o registrado supera em quase 2°C a média normal.

Visitar praias e piscinas naturais ainda deve ficar mais agradável e conectado com a natureza, uma vez que o governo maltês tem levantado polêmica sobre a possibilidade ou não do uso de guarda-sol e cadeiras de praia. Em algumas áreas, elas bloqueiam a visão e contribuem para a poluição, uma vez que turistas deixam sujeira acumular. Assim, o uso tem sido proibido em muitas áreas turísticas, o que pode ser positivo para a sua experiência, para o registro de fotos e para a natureza no geral.

Fonte: Times of Malta

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.