• Menu
  • Menu

Irlanda tenta atrair profissionais de tecnologia

Com o objetivo de consolidar a Irlanda como um dos “tecnological hubs” no planeta, o governo lançou programa para atrair trabalhadores estrangeiros. Chamado TechLife Ireland, o programa distribui vagas e oportunidades pelo país, facilita a obtenção de visto e ainda foca nos benefícios de escolher o país como destino – a qualidade de vida, o fato de conseguir tempo além do profissional e as belezas da ilha são alguns dos atrativos.

Portanto, se você trabalha na área de Tecnologia da Informação (TI) ou semelhante, vale a pena consultar o site oficial (link aqui) para conferir as oportunidades. É possível conseguir dois vistos de trabalho: o Critical Skills Employment Permits, destinado a uma lista específica de profissionais, entre eles web-designers, engenheiros e programadores, ou o General Employment Permit, que tem uma proposta mais geral.

Para o caso do General Employment Permit, o salário anual da vaga oferecida deve ser de pelo menos €30 mil por ano (€2,5 mil por mês). Já o Critical Skills Employment Permits facilita muito o processo, excluindo até mesmo o “labour market test” exigido em outras ocasiões e abrindo chance para inclusão imediata de parceiros conjugais ou familiares na lista dos que podem permanecer no país.

 

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.