• Menu
  • Menu

Irlanda deve expulsar 4,5 mil pessoas em 2016

Um levantamento realizado pelo Departamento de Justiça irlandês indica que, só em 2016, 4,5 mil pessoas devem ser expulsas do país. Deste total, cerca de 4 mil delas já foram avisadas sobre a necessidade de deixar a ilha, seja pela irregularidade de visto ou pelo fim do período legal ao qual têm direito a permanecer. Trata-se de um aviso que todo imigrante deve prestar atenção.

O governo ressaltou que a maioria das pessoas que chega à Irlanda sem os documentos adequados ou permissão para visto sequer consegue adentrar as fronteiras, sendo remetido de volta para seu país de origem imediatamente – em 2015, 3451 pessoas tiveram a entrada negada no país. Em alguns casos, no entanto, chega-se ao ponto de abrir processo de deportação. Em 2016, um total de  371 pessoas passaram por isso.

Os dados não consideram pessoas buscando asilo político ou status de refugiados. Há um aumento de 14% nos números, de acordo com o governo, o que gera preocupação, uma vez que o objetivo irlandês é incentivar programas de intercâmbio e a presença de estrangeiros nas universidades locais, parte do plano para superar os efeitos do Brexit – a saída do Reino Unido junto à União Europeia.

Intercambistas e estrangeiros no geral devem sempre seguir as regras e respeitar os limites de permanência estabelecidos, uma vez que as penalidades, em último caso, podem causar a proibição de reentrada no país. Como há pouca margem de manobra nesses casos, é sempre melhor andar pelo certo para não correr risco de engrossar dados como esses.

Fonte: Lovin.ie

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 comment