• Menu
  • Menu

11 dicas para você encontrar um emprego no intercâmbio

[vc_row][vc_column][vc_column_text]

Sabemos que não é fácil conseguir emprego no Brasil, mas se engana quem pensa que no exterior as oportunidades vão cair do céu. Durante o intercâmbio, a alta concorrência e a baixa demanda de empregos, em algumas cidade, são fatores que podem impactar as suas chances de conseguir um trabalho. Além disso, o seu nível de inglês e o nível de experiência que você tem em determinada função também contam muito. Para conseguir uma oportunidade, independentemente do seu ramo de atuação, é preciso iniciativa e persistência. E como uma ajuda é sempre bem vinda, resolvemos compartilhar com você 11 dicas que podem ajudá-lo a encontrar um emprego no intercâmbio.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Tenha um currículo de destaque” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

É claro que experiência conta muito e currículo bom é currículo completinho, com atuação na área para a qual você está aplicando. No intercâmbio, contudo, esse cenário ideal nem sempre é possível. E você pode fazer com o que o seu currículo se destaque entre centenas, com alguns truques simples. Ao invés de jogar um monte de texto em um documento e mandar para impressão, por exemplo, adote um design diferente e personalizado no seu CV. Algumas plataformas online podem ajudar você a fazer esse upgrade no currículo gratuitamente.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_single_image image=”6896″ img_size=”650×431″ alignment=”center”][vc_empty_space height=”20px”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Vale a pena mentir no currículo?” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Essa questão é bem polêmica e precisamos encarar a realidade. Se você está aplicando para uma vaga em uma área de formação que exige conhecimentos específicos, que claro que você não pode inventar. Logo na primeira entrevista o recrutador vai perceber que você não sabe do que está falando.

No exterior, contudo, é bem comum intercambistas aplicarem para vagas que exigem mais conhecimento prático que teórico, como lavador de pratos ou faxineira, por exemplo. Mesmo que você nunca tenha trabalhado em uma dessas funções você deve saber lavar uma louça ou limpar uma casa (ou pelo menos esperamos que você saiba) e isso pode contar como experiência sim. Estes são cargos que exigem bastante comprometimento, mas, no final do mês, o esforço acaba valendo a pena.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Distribua currículos pessoalmente” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Assim que você começar a se estabilizar em sua cidade, vale a pena imprimir algumas dezenas de currículos e sair distribuindo por aí. Vários estabelecimentos colocam plaquinhas nas vitrines quando estão contratando e entrar em um desses lugares com um currículo em mãos pode lhe render uma entrevista na hora mesmo. Pesquise os lugares que você mais gosta ou com os quais mais se identifica e foque nesses primeiro. Outra dica é não entregar o currículo na mão de qualquer pessoa: sempre pergunte (educadamente) se você pode falar com o gerente ou supervisor, a respeito de uma oportunidade de emprego.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Entre em contato com empresas por e-mail” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Esse é o meio mais fácil e rápido de distribuir o seu currículo para o maior número de empresas. Para que o seu e-mail não se perca entre tanto outros, contudo, é preciso adotar algum fator de destaque, como um texto atraente no corpo de e-mail e uma boa carta de apresentação.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_single_image image=”6895″ img_size=”650×434″ alignment=”center”][vc_empty_space height=”20px”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Atualize o seu perfil no LinkedIn” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

A rede social é muito utilizada por grandes empresas multinacionais. Então, se o seu objetivo é conseguir uma vaga de destaque vale a pena gastar algumas horas atualizando seu perfil no LinkedIn, tornando-o o mais atrativo possível. Essa abordagem é bastante indicada para profissionais formados que possuem experiência e buscam oportunidades em sua área de especialização. O upload de artigos e peças autorais na plataforma também costuma chamar  a atenção de recrutadores.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Deixe todo mundo saber que você está procurando um emprego” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Muitas vezes o seu colega de turma sabe de uma oportunidade, ou o seu professor, ou o seu vizinho… Eles nunca vão comentar algo com você, contudo, se não souberem que você está em busca de um trabalho. Além de você ter acesso a boas dicas, muitas vezes alguém pode até mesmo indicá-lo pessoalmente para uma vaga de emprego. E só essa indicação já pode ser meio caminho andado para a contratação.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Se prepare para os trials” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Os trials são uma curta experiência, geralmente dura algumas horas, durante a qual o empregador pode ver se você tem jeito para o trabalho ou não. Caso você esteja entregando currículos pessoalmente, pode ser que a pessoa com a qual você está conversando te chame para um trial, ali mesmo, na hora. Então é preciso estar preparado. Se você está aplicando para vagas em hotéis, bares ou restaurantes, vá com uma roupa preta, que costuma ser o padrão de funcionários nesses estabelecimentos.

Tratando-se dos trials, é preciso também ficar atento a uma situação! Alguns estabelecimentos se aproveitam de pessoas que estão procurando emprego chamando-as para testes consecutivos (não remunerados). Se isso acontecer com você, não aceite! O trial deve durar apenas um dia, por algumas horas. Depois disso, você preciso ser pago pelas horas de trabalho.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_single_image image=”6893″ img_size=”650×434″ alignment=”center”][vc_empty_space height=”20px”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Esteja disposto a aprender e ajudar” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

É comum intercambistas se aventurarem em empregos com os quais nunca haviam tido contato antes e se você conseguir uma oportunidade, é bom agarrá-la com todas as forças. Para se manter no emprego, contudo, você precisa estar muito disposto a aprender e ajudar no que for preciso. Mesmo que o seu inglês não seja perfeito, mesmo que você não tenha experiência, os empregadores costumam notar quem realmente quer trabalhar e notam o esforço de cada pessoa. O interesse, sem dúvida alguma, pode contar alguns pontos positivos a seu favor.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Não entendeu? Pergunte!” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Acontece com muitas pessoas que ainda não possuem a fluência no inglês: o intercambista é chamado para um trial; está super disposto a ajudar; começa a fazer tudo o que o seu coordenador pediu; mas, na verdade, está fazendo tudo errado, porque não entendeu as instruções direito. Se você tem dúvidas ou não sabe muito bem o que fazer, é sempre melhor perguntar, quantas vezes for preciso, ao invés de ficar inventando moda por aí… Dessa forma, você acaba poupando tempo e alguns momentos embaraçosos.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_single_image image=”6894″ img_size=”650×457″ alignment=”center”][vc_empty_space height=”20px”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Esteja aberto a diferentes oportunidades” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Tudo bem que você queria muito conseguir um trabalho em sua área, tudo bem que você queria muito trabalhar naquele restaurante maravilhoso ou na sua loja de roupas preferida… Se você tem urgência para conseguir um emprego, contudo, é preciso estar abertos a todas as oportunidades e agarrar aquelas que aparecem em seu caminho. Se você não curtir muito seu emprego atual, não tem problema. Você pode ficar ali por um tempo, até achar algo com o que mais se identifica. E assim você vai caminhando, aos poucos, para alcançar seus objetivos.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Não desista!” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Na procura por um emprego, pode ser que você tenha sorte e consiga uma vaga logo em sua primeira tentativa. Pode ser também que você encontre muitos nãos pelo caminho… Às vezes você acha que fez tudo certinho, parece que as pessoas gostaram de você, mas, mesmo assim, você não é contratado. Essa pode ser uma situação bem frustrante no intercâmbio, mas, se isso acontecer, o importante é não desistir. Seja persistente, continue tentando, que, mais cedo ou mais tarde, uma nova chance vai aparecer. A cada tentativa você aprende mais, melhora e se fortalece para lutar pelas oportunidades que estão por vir.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_custom_heading text=”Uma dica extra!” font_container=”tag:h4|text_align:left” use_theme_fonts=”yes”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]

Todos esses conselhos e muitos outros você vai ouvir também no Workshop de Trabalho promovido pela Enjoy com seus intercambistas nas cidades de Cork, Dublin, Galway e Limerick, na Irlanda. Se você está indo para alguma dessas cidades, converse com o seu consultor e saiba como participar 🙂

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.