• Menu
  • Menu

Brasil aparece na 41ª colocação em ranking de fluência do inglês

É verdade que os brasileiros estão cada vez mais conscientes da importância de um segundo idioma e, além do ensino de inglês regular, muitas pessoas buscam outras formas de aprimoramento, dedicando-se aos estudos com afinco. De acordo com o maior ranking de proficiência de língua inglesa do mundo, contudo, o Brasil ainda tem muito o que melhorar. Os dados da pesquisa EF English Proficiency colocam o país na 41ª posição, índice considerado baixo em uma lista com 80 nações.

De acordo com a pesquisa, o Distrito Federal, Rio Grande do Sul, São Paulo, Paraná e Santa Catarina são os estados que apresentam os melhores números, com fluência classificada como moderada. No documento, o potencial brasileiro para o aprimoramento é destacado e, sendo o país uma referência no mercado de estudantes de linguagens, a tendência é sem dúvidas melhorar esse índice.

A plataforma também destaca iniciativas de países em desenvolvimento e no Brasil a proposta citada é o Programa Idioma Sem Fronteiras, que visa preparar estudantes universitários para o estudo no exterior. O Programa Ciência Sem Fronteiras também foi mencionado.  

O EPI Ranking avalia 80 países nos quais o inglês não é considerada a língua nativa. Em primeiro lugar aparece a Holanda, seguida da Suécia, Dinamarca, Noruega e Cingapura. Entre os fatores citados para o bom desempenho desses países, estão determinações como a obrigatoriedade do ensino de inglês nas escolas primárias, a adoção de uma prática de ensino interativa e exposição ao inglês por meio de viagens e novas experiências.

[button link=”https://www.enjoyintercambio.com/orcamentos/” (target=”_blank”) (size=”medium”) (style=”outline”)]Gostou do que viu? Solicite seu orçamento[/button]

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.